22 12 2010

Pra mim, o Natal sempre começou no dia 22, na comemoração do aniversário da minha mãe.
Todo mundo jantando junto, presentes, festa, a árvore acesa, minha mãe achando ruim que nós gastamos dinheiro com ela. Isso tudo sempre foi como o pontapé inicial do Natal. O dia em que as comemorações começavam. O dia em que eu sentia que era Natal.

Hoje foi um dos dias mais sofridos do ano pra mim. Talvez mais que o próprio dia de Natal. O dia em que eu mais desejei dar um abraço e um beijo. Não teve jantar com todo mundo, nem presente, nem festa. Teve a árvore, mas mal olhei pra ela. E nunca mais vai ter minha mãe achando ruim.

Anúncios

Ações

Information

9 responses

22 12 2010
lella.

Posso imaginar sua dor, passei por algo semelhante e entendo, apenas desejo que passe logo, se é que passa, mais enfim, temos que continuar… à tempos leio seu blog e adicionei nos favoritos pra poder acompanhar, adoro qdo vc atualiza, rs! Fiz um blog novo e qdo quiser passe por lá. Te desejo sorte e força ! Beijos…

22 12 2010
lella.

Posso imaginar sua dor, passei por algo semelhante e entendo, apenas desejo que passe logo, se é que passa, mais enfim, temos que continuar… à tempos leio seu blog e adicionei nos favoritos pra poder acompanhar, adoro qdo vc atualiza, rs! Fiz um blog novo e qdo quiser passe por lá. Te desejo sorte e força ! Beijos

23 12 2010
Aurelio Abreu

Desejo um final de ano com muita força e resiliência. Abraço!

23 12 2010
Marco Aurélio

E se eu fizer uma dancinha?

23 12 2010
larissa

Oi, Carlota. Aqui é a Larissa, namorada do Daniel, amiga da Ana.
Bom, passei pra te desejar um ano melhor. Que 2011 possa ser um ano de mais alegrias pra vcs!
Ah, e os comentários do Marco Aurélio sempre conseguem arrancar um sorriso, mesmo nesses posts mais tristes. Espero que seja assim na “vida real” também!
Bjs

25 01 2011
Elisangela

No meu natal eu ainda estava em estado de choque, ela faleceu no dia 05/12/10 me lembrei dos natais anteriores que a gente saia as compras juntas ela sempre falando tbem que eu comprava muito… agora que parece que passou um pouco o atordoamento parece pior pq da pra enxergar a dura realidade…

10 08 2011
Cacau

Olá Carlota!

Já te visito a muito tempo, mas não frequentemente.
Você já me fez rir tanto! Por isso é que eu nunca esqueci do seu blog por mais esporádicas que sejam minhas visitas.

Já ensaiei diversos comentários e no fim, acabei por apagar tudo e deixar pra lá. Os blogs dão esta impressão de intimidade, mas ainda sim, somos desconhecidas…
Em uma destas visitas você tinha acabado de perder sua mãezinha. Fiquei muito triste. Ao mesmo tempo que eu gostaria de dar força a ti, e dizer palavras de ânimo, não me sentia no “direito” de me meter em um assunto tão íntimo. Apaguei tudo de novo e rezei por ti e pelos seus.

Hoje deu na telha de te fazer uma visita e tomei um susto.
Dois.
Sua mãe nasceu no mesmo dia que a minha. Vc nunca mais escreveu.
Então desta vez sou eu que escrevo.
Torço pra que vc esteja feliz e em paz.
Se der, passe por aqui e escreve mais um pouquinho.
Tudo de bom pra vc!

Beijos,
Camila

11 11 2011
selma

olá,
hj mais uma vez visitei seu blog e fui ler posts antigos e ri muito com o pretinho básico e pensei no quanto vc é hilária e vim te pedir, não perca seu bom humor, apesar das tristezas, o humor é que nos define.
que vc consiga superar.
um grande abraço
selma

22 06 2012
selma

Oi, vim te ver de novo.
Abraço apertado, daqueles que a gente sente que ainda pode dar certo…
Selma

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: