Hit parade

28 08 2008

Santa Bárbara, virgem do cabelo duro
Tava na peleja, oi, tava pelejando

Santa Bárbara, virgem da cara amarela
Pega essa menina e põe numa panela

Santa Bárbara, virgem do cabelo branco
Lava o dinheiro pra guardar no banco

Santa Bárbara, gorda filha de uma puta
Sai da minha cabeça e vai tomar no cu

Anúncios




Argh

28 08 2008

Faz 3 dias que eu acordo às 7h pra chegar no trabalho às 8h30. Tudo porque eu não estou mais disposta a ver cara feia por chegar das 9h30 pra frente e ouvir reclamação do meu horário de tempos em tempos. Também é porque está começando outro (talvez longo) período em que não existe horário de saída. Quanto mais cedo eu chego, mais cedo eu saio, mais tempo eu tenho pra fazer as coisas em casa e ficar com o meu menino.

É ótimo, viu? A não ser por sentir sono o dia todo, meu humor não estar lá essas coisas, ter perdido a vontade de tudo, ficar morta de cansada e não ter pique de fazer as coisas de casa.

Isso não é vida.
Como é que as pessoas sobrevivem a isso?

E eu não tô nem aí se você acorda todos os dias às 5h da manhã e se sente super bem. Mesmo. Não ligo a mínima. Não faz a menor diferença pra mim. Não quero saber.





A santa do bico dourado

27 08 2008

Vocês conhecem o programa Sr. Brasil, apresentado pelo Rolando Boldrin, que passa na TV Cultura?
Não, né? Então, tem lá o programa, o povo vai cantar, o Rolando conta uns causos, eles mostram artesanato do Brasil e tudo mais. É legal. Meu pai adora.

O pessoal aqui da editora resolveu fazer um tipo de caravana pra ir assistir, e eu levei meu pai. A gravação foi há 15 dias. Foi ao ar ontem (se alguém quiser ver, vai reprisar no domingo, às 10h).
Entre os artistas que se apresentaram, estava um compositor/cantor que eu não lembro o nome e o site não abre direito no Mac pra eu ver o compositor/cantor Celso Adolfo, lançando um disco com músicas inspiradas na história do Brasil passadas em Minas Gerais. Uma das músicas, que eu não sei o nome e nem a letra certa porque no site do cara não consta esse CD, é mais ou menos assim:

Santa Bárbara, virgem do cabelo louro
Mora lá no morro, na terra do ouro

Esse é o refrão. O resto eu não decorei, óbvio. É uma batida mais ou menos no ritmo de Papagaio louro do bico dourado. Pelo menos pra mim é.

Agora vou mostrar pra vocês o que eu venho cantando desde ontem, quando acabou o programa:

Santa Bárbara, virgem do bico dourado
Mora lá no morro, com meu namorado

Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
Repete.
.
.
.

Pra sempre.





Acho que eu tô voltando…

25 08 2008

SSHHHHHHHHHH





TPM é o cu da cobra

25 08 2008

Meu marido acabou de me falar ao telefone “você é chata, hein?” . Foi uma brincadeira. Ele falou em tom de brincadeira. Eu sei que era brincadeira. Percebem que era brincadeira?
Isso não impediu meus olhos de encherem de lágrima na mesma hora. Eu me desculpei, desliguei e esfreguei os olhos até parecer que estavam irritados.

ODEIO TPM. OOODEIOOOOO!